Currículo Europeu de Prevenção

Por Juliana Valente


Nas últimas décadas, vem se observando importante progresso no desenvolvimento de intervenções preventivas ao uso de drogas baseadas em evidências científicas, entretanto em muitos locais ainda é frequente a implementação de práticas de prevenção sem evidências de efetividade. Por essa razão, o Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência (EMCDDA) publicou recentemente o “Currículo Europeu de Prevenção”, que é um manual que fornece uma introdução à Ciência da Prevenção e apresenta uma sistematização de teorias, princípios e estratégias para a implementação de práticas preventivas baseadas em evidências científicas.

O manual foi desenvolvido a partir dos “Standards europeus de qualidade em prevenção do consumo de droga”, publicado pelo EMCDDA em 2011, com o objetivo inicial de servir de material didático para profissionais do campo da prevenção. Todavia, o material também tem o objetivo orientar, prestar apoio e instrumentalizar gestores, líderes de opinião e responsáveis políticos que trabalham com prevenção ao uso de drogas.

O Manual foi publicado em 8 línguas (incluindo o português) e está dividido em duas grandes seções e 10 capítulos. A seção 1 abrange conceitos gerais da Ciência da Prevenção, tais como epidemiologia do uso de drogas, principais fundamentos, intervenções e políticas de prevenção baseadas em evidências, assim como monitorização e avaliação. A seção 2 trata das abordagens de prevenção em diferentes contextos, como a família, escola, local de trabalho, ambiental, mídia, comunidade e advocacy para a prevenção.