Não há consenso sobre a eficácia de campanhas de prevenção ao uso de drogas na mídia

Estudo investigou se campanhas divulgadas em meios de comunicação em massa são efetivas na prevenção do uso de drogas

Sabe-se que os meios de comunicação de massa como, por exemplo, televisão e internet, são poderosos veículos utilizados mundialmente para se divulgar mensagens com objetivo de promoção de saúde e prevenção de doenças. Um grande estudo foi publicado recentemente com o objetivo de avaliar a efetividade de campanhas em meios de comunicação na prevenção ao uso de drogas ilícitas. Foram reunidos dados de 19 estudos com desenhos e tipos de intervenções variados. A maioria dos estudos envolveu jovens dos Estados Unidos, mas também houve participantes do Canadá e Austrália. Em alguns dos estudos o grupo comparativo não recebeu nenhuma intervenção, em outros, o grupo comparado recebeu a mesma intervenção, porém em menor escala e, em outros o grupo comparativo recebeu apenas intervenções padronizadas previstas no currículo escolar

De um total de 19 estudos com mais de 100 mil participantes, 8 estudos não encontraram evidência de efeito, 4 encontraram efeitos benéficos das campanhas para prevenir o uso de drogas e 2 intervenções apresentaram efeito iatrogênico, ou seja, as intervenções de campanhas em mídias de massa se mostraram maléficas para a população estudada. Devido às evidências contraditórias, é necessário cuidado para a disseminação de campanhas em massa.


Fonte: Alara et al, 2015 - https://bmjopen.bmj.com/content/5/9/e007449

Copyright © 2019. Todos os direitos são reservados ao Núcleo de Pesquisa em Prevenção ao Uso de Álcool e outras drogas (Previna). O conteúdo deste site é protegido pela Lei de direitos autorais (Lei nº 9.610/1998), sendo vedada a sua reprodução, total ou parcial, a partir desta obra, por qualquer meio ou processo eletrônico, digital, ou mecânico (sistemas gráficos, microfílmicos, fotográficos, reprográficos, de fotocópia, fonográficos e de gravação, videográficos) sem citação da fonte e a sua reprodução com finalidades comerciais.