Inalantes

O que são inalantes?

O termo inalante refere-se às várias substâncias que as pessoas normalmente usam apenas por inalação. Essas substâncias incluem:

  • solventes (líquidos que se tornam gases em temperatura ambiente)

  • sprays de aerossol

  • gases

  • nitritos

 

Os inalantes são muitas vezes produtos facilmente comprados e encontrados em casa ou no local de trabalho, como tintas em spray, marcadores, colas a base de tolueno, acetona e líquidos de limpeza. Eles contêm substâncias perigosas que possuem propriedades psicoativas quando inaladas. As pessoas normalmente não pensam nesses produtos como drogas porque eles não se destinam originalmente a alterar a percepção da realidade, mas algumas pessoas os usam para esse fim. Quando essas substâncias são usadas para ficar “chapado”, elas são chamadas de inalantes. Os inalantes são usados principalmente por crianças e adolescentes.

Como as pessoas usam inalantes?

As pessoas que usam inalantes respiram a fumaça pelo nariz ou pela boca, geralmente cheirando, baforando, ensacando ou bufando. São chamados de nomes diferentes, dependendo da substância e do equipamento que eles usam. Embora o efeito que os inalantes produzem geralmente dure apenas alguns minutos, as pessoas muitas vezes tentam fazê-lo durar mais, continuando a inalação repetidamente por várias horas.

Quais produtos são usados como inalantes?

SOLVENTES

  • produtos industriais ou domésticos, incluindo:

    • diluentes ou removedores de tinta

    • fluidos de limpeza a seco

    • gasolina

    • fluido de isqueiro

  • solventes de arte ou material de escritório, incluindo:

    • fluidos de correção

    • fluido marcador de ponta de feltro

    • limpadores de contato eletrônicos

    • cola

AEROSSÓIS

  • artigos de aerossol domésticos, incluindo:

    • tintas spray

    • sprays de cabelo ou desodorantes

    • produtos de limpeza de computador em aerossol

    • sprays de óleo vegetal

GASES

  • encontrados em produtos domésticos ou comerciais, incluindo:

    • isqueiros de butano

    • tanques de propano

    • aerossóis ou dispensadores de chantilly

  • usado como anestesia (para fazer os pacientes perderem a sensação durante a cirurgia/procedimentos), incluindo:

    • éter

    • clorofórmio

    • óxido nitroso

NITRITOS

  • muitas vezes vendidos em pequenas garrafas rotuladas como:

    • limpador de cabeça de vídeo

    • odorizador de ambiente

    • limpador de couro

    • aroma líquido

    • além da droga ilícita conhecida como “popper”

novaloloadroaquemata-1024x576.jpg
aerosole_can_nozzle.jpg
download.jpg

Como os inalantes afetam o cérebro?

A maioria dos inalantes afeta o sistema nervoso central e diminui a atividade cerebral.

 

Efeitos a curto prazo

 

Os efeitos a curto prazo são semelhantes ao álcool e incluem:

  • fala arrastada ou distorcida

  • falta de coordenação (controle do movimento do corpo)

  • euforia

  • tontura

 

As pessoas também podem sentir tonturas ou ter alucinações (imagens/sensações que parecem reais, mas não são) ou delírios (crenças falsas). Com inalações repetidas, muitas pessoas se sentem menos conscientes e menos controladas. Alguns podem começar a vomitar, sentir sonolência por várias horas ou ter uma dor de cabeça que dura algum tempo. Ao contrário de outros tipos de inalantes, os nitritos, que são frequentemente prescritos para tratar a dor no peito, são mal utilizados para melhorar o prazer sexual, expandindo e relaxando os vasos sanguíneos (poppers).

 

Efeitos a longo prazo

 

Os efeitos a longo prazo do uso de inalantes podem incluir:

  • danos no fígado e nos rins

  • perda de audição

  • danos na medula óssea

  • perda de coordenação e espasmos nos membros

  • desenvolvimento comportamental atrasado

  • dano cerebral (do fluxo de oxigênio cortado para o cérebro)

Uma pessoa pode ter overdose de inalantes?

Sim, uma pessoa pode ter overdose de inalantes. Uma overdose ocorre quando uma pessoa usa muito de uma droga e tem uma reação tóxica que resulta em sintomas graves e prejudiciais ou morte. Esses sintomas podem causar convulsões e coma. Eles podem até ser mortais. Muitos solventes e aerossóis são altamente concentrados, o que significa que contêm uma grande quantidade de produtos químicos com muitos ingredientes ativos. Cheirar esses produtos pode fazer com que o coração pare em poucos minutos. Essa condição, conhecida como morte súbita por cheirar, pode acontecer com jovens saudáveis na primeira vez que usam um inalante. O uso de inalantes com um saco de papel ou plástico ou em uma área fechada pode causar a morte por asfixia (incapaz de respirar).

Como tratar uma overdose de inalantes?

Como a overdose de inalantes pode levar a convulsões ou fazer com que o coração pare, os socorristas e os médicos do pronto-socorro tentam tratar a overdose tratando essas condições. Eles tentarão parar a convulsão ou reiniciar o coração.

Os inalantes podem causar dependência?

Embora não seja muito comum, o uso repetido de inalantes pode levar a dependência. O transtorno pode variar de leve a grave, sendo a forma mais grave a dependência. Aqueles que tentam parar de usar inalantes podem ter sintomas de abstinência que incluem:

  • náusea

  • perda de apetite

  • sudorese

  • problemas para dormir

  • mudança de humor

Como as pessoas podem buscar tratamento para a dependência em inalantes?

Algumas pessoas que procuram tratamento para uso de inalantes descobriram que a terapia comportamental é útil:

  • A terapia cognitivo-comportamental ajuda os pacientes a reconhecer, evitar e lidar com as situações em que são mais propensos a usar drogas.

  • Os incentivos motivacionais usam vouchers ou pequenas recompensas em dinheiro para comportamentos positivos, como ficar livre de drogas.

 

Mais pesquisas são necessárias para identificar as opções de tratamento mais eficazes para a dependência em inalantes.

 

No SUS a população poderá realizar o tratamento nos Centros de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas – CAPS AD, para o cuidado às pessoas que fazem uso de álcool e outras drogas.

 

Para acessar o mapa, clique aqui:

https://www.google.com/maps/d/viewer?mid=147YqFIKG6PUhFw606aazeZbcZCEzK2Oh&ll=-12.27399452346194%2C-52.58090332920233&z=6

 

E, para maiores informações, é possível contatar a Coordenação Nacional de Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas através do e-mail: saudemental@saude.gov.br, dos telefones: +55 (61) 3315-9144/9140/9143, ou pelo site www.saude.gov.br/mental.

Pontos a serem lembrados

  • Embora outras substâncias que são mal utilizadas possam ser inaladas, o termo inalante refere-se às várias substâncias que as pessoas normalmente utilizam apenas por inalação.

  • Os inalantes são vários produtos facilmente comprados e encontrados em casa ou no local de trabalho, como tintas em spray, marcadores, colas e líquidos de limpeza. Eles contêm substâncias perigosas que possuem propriedades psicoativas (que alteram a mente) quando inaladas.

  • As pessoas usam inalantes respirando pela boca (baforando) ou pelo nariz.

  • A maioria dos inalantes afeta o sistema nervoso central e diminui a atividade cerebral.

  • Efeitos de saúde a curto prazo incluem fala arrastada ou distorcida, falta de coordenação, euforia, tontura e alucinações.

  • Os efeitos a longo prazo para a saúde podem incluir danos no fígado e nos rins, perda de coordenação e espasmos nos membros, atraso no desenvolvimento comportamental e danos cerebrais.

  • Uma pessoa pode ter overdose de inalantes. Como a overdose de inalantes pode levar a convulsões ou fazer com que o coração pare, os socorristas tentam interromper a convulsão ou reiniciar o coração.

  • Embora não seja muito comum, o uso repetido de inalantes pode levar à dependência. Os sintomas de abstinência incluem náusea, sudorese, problemas para dormir e alterações de humor.

  • Algumas pessoas que procuram tratamento para uso de inalantes descobriram que a terapia comportamental é uma boa opção.

Fonte: Texto traduzido e adaptado do National Institute on Drug Abuse; National Institutes of Health; U.S. Department of Health and Human Services (Instituto Nacional sobre Abuso de Drogas; Institutos Nacionais de Saúde; Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA).